Menu Busca
  1. Home
  2. Sobre a Setin
  3. Imprensa

Crédito será o gatilho para imóveis este ano

Publicado em 16 de Junho de 2011 Voltar
 
Imobiliárias e incorporadoras, como a Setin e a Lopes, apostam no aumento do crédito para impulsionar as vendas e acompanhar o crescimento, estimado em 18% para 2011 pela Setin. Imobiliárias e incorporadoras têm otimismo com relação às vendas deste ano, pois esperam aumento do financiamento para aquisição de imóveis em 2011. O crédito imobiliário representará 11% do PIB em 2014. Atualmente, a participação deste tipo de crédito é 4%. 
 
Em 2010 estima-se que 62% do valor dos imóveis foram financiados, de acordo com dados do Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Comerciais de São Paulo (Secovi-SP), apresentados ontem. "Em 2010 alcançamos nossa meta de lançamentos, R$ 850 milhões, e já buscamos atingir R$ 1 bilhão este ano", afirmou Antonio Setin, vice-presidente do grupo. O aumento do crédito e as facilidades de financiamento também serão fator importante para que sejam comercializados todos os lançamentos. "O Brasil vive um bom período econômico, com confiança do consumidor em comprar, e com a economia estável, o que aumenta o crédito", continuou o executivo. Na Lopes, a expectativa gerada pelo aumento do crédito também é motivo de ampliar os projetos para 2011. 
 
"Vamos entrar mais fortes e confiantes no mercado este ano, para melhorarmos nosso esquema de vendas, e conseguirmos usar o crédito disponível, iremos melhorar a distribuição de lançamentos, para que não fique tudo para o segundo semestre e, dessa forma, utilizarmos ao máximo o potencial brasileiro de comprar", afirmou Mirella Parpinelli, diretora de Atendimento da Lopes. Para o especialista em mercado imobiliário e professor de Economia Imobiliária da Universidade Metodista, Ailton Bernardes, o número liberado pelo Secovi é o retrato de um quadro positivo, mas deve ser visto com cuidado. "A linha da economia imobiliária é tênue: é preciso calma antes de analisar [que ela é] como mar de rosas. As incorporadoras não podem sair lançando novos condomínios baseadas apenas no aumento do crédito, porque a demanda e a procura precisam manter uma proporção para não haver desvalorização, como sentimos no mercado de luxo em São Paulo", afirmou. 
 
Em 2010, as vendas de imóveis novos na capital paulista atingiram 30,9 mil unidades entre janeiro e novembro, um desempenho bem próximo do atingido no ano de 2009, quando foram comercializados 30 mil imóveis, de acordo com o Secovi-SP. De acordo com a entidade, o volume de vendas só não foi maior porque os empreendimentos novos não surgiram no mesmo ritmo. "Assim mesmo, estima-se que o ano de 2010 atingirá o volume aproximado de 36 mil unidades comercializadas", informou o Secovi-SP. Entre janeiro e novembro de 2010 foram lançadas 30 mil unidades, segundo dados da Embraesp. Esta performance representa avanço de 19% em relação ao mesmo período do ano anterior, quando foram lançadas 25 mil unidades, mas ainda é inferior ao volume de comercialização registrado no ano.
Voltar

Confira os últimos lançamentos

Preencha os campos abaixo e em breve retornaremos para você.

X

Desejo receber informações sobre o imóvel por WhatsApp.

X

Política de privacidade

Política de privacidade para o site da SETIN

Com o objetivo de tornar o acesso ao nosso site mais produtivo e preservar as informações dos nossos usuários, todos os dados pessoais e relativos ao comportamento de navegação do usuário captados, serão protegidas por sigilo e utilizados exclusivamente pela SETIN Incorporadora e parceiros autorizados. A SETIN respeita a privacidade dos usuários e a garantia da confidencialidade de seus dados pessoais. Portanto, o uso deste site pressupõe a aceitação deste Acordo de Privacidade. A equipe da SETIN reserva-se no direito de alterar este acordo sem aviso prévio. Deste modo, recomendamos que consulte esta seção de política de privacidade com regularidade de forma a estar sempre atualizado.

Os Cookies

Utilizamos cookies para armazenar informações relativas as suas preferências e comportamento de navegação em nosso site, bem como informações pessoais que você venha a preencher em nossos formulários de contato. Ao acessá-lo você concorda que seu device armazene automaticamente um cookie. A qualquer momento você pode desativar a gravação de cookies, nas opções do seu navegador e software antivírus, bem como excluí-los de seu device. No entanto, isso poderá alterar a forma como interage com o nosso site.

Ligações externas

Com o objetivo de melhorar a experiência de navegação dos nossos usuários, o nosso site possui ligações com sites e ferramentas de terceiros. A nossa política de privacidade não é aplicada a sites/ferramentas de terceiros, pelo que, caso visite outro site ou utilize uma ferramenta de terceiros a partir do nosso site deverá ler a política de privacidade do mesmo. Não nos responsabilizamos pela política de privacidade ou conteúdo presente nesses mesmos sites. Possíveis solicitações ou dúvidas devem ser encaminhadas ao nosso Serviço de Atendimento ao Cliente, no endereço eletrônico: sac@setin.com.br.

X